domingo, 10 de junho de 2012

O Deixador


Eu tenho mania de deixar tudo para depois...
Depois a contagem das cartas a responder...
Depois a arrumação das coisas...
... Depois, Adalgisa... Ah,
Me lembrar mais uma vez de romper definitivamente com [Adalgisa!
Depois, tanta, tanta coisa...
Depois o testamento as últimas vontades a morte.
Só porque vai sempre deixando tudo para depois
É que Deus é eterno
E o mundo incompleto
Inquieto...
Só é verdadeiramente vida a que tem um inquieto depois!
Mario Quintana

Nenhum comentário:

Postar um comentário