terça-feira, 5 de abril de 2011

Breve Pensamento


Existe no silêncio
um grito de harpas
desamparadas
como se viúvas
da música das palavras.

Porém não chores
a eternidade aprende-se
escutando o vento.
LuizaCaetano

Um comentário:

  1. Sil, que lindo! ..."a eternidade aprende-se escutando o vento." Maravilhoso poema!
    Adoro o som do vento nas casuarinas!(são árvores típicas da região dos Lagos, vc conhece?)
    Ou o som das ondas contra as pedras, é lindo também...
    Beijinhos, Boa noite!

    ResponderExcluir