segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Infância

Eu fui meu
como o espaço
era do pássaro.
Eu me soltava
em cantos e plumas
pelos campos da manhã.
Eu brincava comigo:
eu era eu
e o meu amigo.
Eu me falava baixo
para não espantar
o meu silêncio.
Eu era pequeno
e imenso
Wilson Pereira

Nenhum comentário:

Postar um comentário