terça-feira, 22 de março de 2011

Árvore


cego
de ser raiz

imóvel
de me ascender caule

múltiplo
de ser folha

aprendo
a ser árvore
enquanto
iludo a morte
na folha tombada do tempo
          

Mia Couto






Nenhum comentário:

Postar um comentário