sábado, 25 de setembro de 2010


A todos os ventos
eu peço coragem.


A cada estrela e estrada
Ao mar que não morre nunca
eu peço coragem.


E ao sol e à lua
E a todo o firmamento.


A cada pássaro
A cada pedra
A cada bicho da terra e do ar
Peço coragem a tudo o que vive agora
E ainda viverá
Coragem para cavalgar os dias
Navegar nas horas
E a cada minuto e segundo sonhar.
Roseana Murray

Um comentário:

  1. Lindo poema.

    Obrigada por estar junto comigo Pelos Caminhos da Vida.

    Bom domingo Sil.

    beijooo.

    ResponderExcluir